milan milan milan milan-brasil milan milan milan

ÚLTIMOS JOGOS DO MILAN


8ª rodada, Domingo 15 Outubro 2017, INTER  3 X 2  MILAN

Marcadores: Icardi aos 27 pt, Suso aos 11 st, Icardi aos 18 st, Bonaventura aos 36 st e Icardi de pênalti aos 45 st.

No primeiro tempo a Inter foi superior ao Milan e passou em vantagem aos 27 minutos quando Candreva fez boa jogada individual pelo setor direito e cruzou na medida para Icardi. O argentino ganhou dos zagueiros Bonucci e Musacchio e desviou de primeira no canto de Donnarumma (1 a 0).
Buscando uma reação, o treinador Montella deixou o time mais ofensivo após o intervalo: sacou da equipe o meio-campista Kessié e colocou o jovem Cutrone, mudando completamente o panorama do jogo. Aos 3 minutos André Silva bateu de perna esquerda, a bola carimbou a trave direita e sobrou para Musacchio estufar as redes da Inter, mas o assistente anulou o gol por impedimento.
Aos 11 minutos veio a recompensa para o Milan. Após tanto pressionar na volta do intervalo, Suso finalizou de fora da área, de perna esquerda, com curva, para empatar o derby (1 a 1).
A felicidade do Milan, porém, não durou tanto. Aos 18 minutos, Icardi roubou a bola de Biglia no meio-campo, puxou o contra-taque e rolou para Perisic. O croata devolveu para Icardi que de voleio recolocou os interistas em vantagem (2 a 1). Mas os comandados de Montella mostraram força para buscar o empate novamente. Aos 36 minutos Bonaventura foi oportunista na área e conseguiu colocar no fundo do gol: 2 a 2.
Aos 45 minutos, quando o empate parecia irretocável, Ricardo Rodriguez derrubou ingenuamente D'Ambrosio dentro da área e o árbitro Tagliavento marcou o pênalti. Icardi foi para a cobrança e decretou a vitória da Inter (3 a 2).
É a terceira derrota seguida do Milan que ocupa a 9ª posição no Campeonato e está a 7 pontos da 4ª posição que garante a participação à Champions League.

Escalação do Milan (3-5-2)
Donnarumma
Musacchio, Bonucci, Romagnoli (Locatelli)
Borini, Kessié (Cutrone), Biglia, Bonaventura, Rodriguez
Suso, André Silva


7ª rodada, Domingo 1° Outubro 2017, MILAN  0 X 2  ROMA

Marcadores: Dzeko aos 26 st e Florenzi aos 32 st.

Durante 70 minutos o Milan estava jogando melhor do que a Roma e, aos 17 minutos do segundo tempo, quase passou em vantagem quando Bonucci, dentro da área, soltou um petardo, obrigando o goleiro brasileiro Alisson a fazer uma defesa milagrosa.
O Milan era o dono do jogo, mas a sorte não ajudou. Aos 26 minutos do segundo tempo, o romanista Dzeko recebeu de Pellegrini, fez a proteção e finalizou. A bola desviou em Romagnoli e enganou Donnarumma (0 a 1). Foi um banho de água fria na equipe de Montella.
Alguns minutos mais tarde, a Roma fez o segundo. Nainggolan avançou pela esquerda, chutou de canhota, Donnarumma defendeu, mas não segurou. Florenzi, livre, pegou o rebote e estufou as redes (0 a 2).
Para completar a tragédia do Milan, Çalhanoglu cometeu falta em Nainggolan, recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso. Com um a mais em campo, a Roma cadenciou o restante da partida e levou os três pontos para casa.

Escalação do Milan (3-5-2)
Donnarumma
Musacchio, Bonucci, Romagnoli
Borini (Bonaventura), Kessié, Biglia, Çalhanoglu, Rodriguez
André Silva, Kalinic (Cutrone)


6ª rodada, Domingo 24 Setembro 2017, SAMPDORIA  2 X 0  MILAN

Marcadores: Duvan Zapata aos 27 st e Alvarez aos 46 st.

Logo aos 2 minutos de jogo, o sampdoriano Strinic cruzou na área e a bola bateu no braço de Kessié. O juiz Valeri assinalou pênalti, mas, após consultar a VAR, desistiu de marcar a penalidade porque o milanista estava com o braço colado ao corpo. Mais uma vez foi assim mostrada a utilidade da VAR!
Neste domingo o Milan não jogou bem e decepcionou os seus torcedores. O time estava pouco criativo e tinha dificuldade para impor o seu ritmo de jogo. A Sampdoria exercia forte marcação na saída de bola do adversário e os três jogadores centrais do meio-campo do Milan, Kessié, Biglia e Bonaventura, não conseguiam dar ritmo ao jogo.
No segundo tempo, a Sampdoria se aproveitou da passividade do Milan e marcou dois gols, ambos graças a erros de Christian Zapata. O treinador Montella foi muito criticado por não ter escalado Musacchio no seu lugar.
Os gols foram marcados por Duvan Zapata (Duvan é primo de Christian!) aos 27 minutos e pelo argentino Alvarez – que havia acabado de entrar em campo – aos 46 minutos.

Escalação do Milan (3-5-2)
Donnarumma
Zapata, Bonucci, Romagnoli
Abate (Borini), Kessié, Biglia, Bonaventura (Cutrone), Rodriguez
Suso (Çalhanoglu), Kalinic


5ª rodada, Quarta-feira 20 Setembro 2017, MILAN  2 X 0  SPAL

Marcadores: Rodriguez de pênalti aos 25 pt e Kessié de pênalti aos 15 st.

Bem posicionado em campo no esquema 3-5-2, o Milan vem a cada dia ganhando uma cara ofensiva e organizada. Com o fator torcida ao seu favor, o Milan partiu para cima da Spal impondo um ritmo veloz no ataque e ganhou a partida graças a dois pênaltis, um em cada tempo.
Aos 25 minutos do primeiro tempo, Kalinic recebeu a bola e foi derrubado pelo goleiro Gomis. O árbitro Abisso concedeu o pênalti que foi convertido por Ricardo Rodriguez com um forte chute no canto esquerdo do gol: 1 a 0.
Voltando do vestiário, o Milan começou a segunda etapa da mesma forma em que terminou o primeiro tempo, ou seja, atacando e controlando o jogo e chegou ao segundo gol novamente cobrando pênalti. Aos 15 minutos, Abate tocou para Kessié que foi derrubado e o arbitro assinalou pênalti que foi convertido pelo mesmo Kessié: 2 a 0.
A Spal não demostrou algum poder de reação e, nas subidas que tentava para o ataque, era facilmente desarmada pelos defensores do Milan. A partida esfriou e o Milan ganhou 3 pontos preciosos.

Escalação do Milan (3-5-2)
Donnarumma
Zapata, Bonucci, Romagnoli
Abate, Kessié, Biglia (Locatelli), Çalhanoglu (Bonaventura), Rodriguez
Kalinic (Suso), André Silva


4ª rodada, Domingo 17 Setembro 2017, MILAN  2 X 1  UDINESE

Marcadores: Kalinic aos 22 pt, Lasagna aos 28 pt e Kalinic aos 30 pt.

O Milan voltou a vencer na Série A após ter sido goleado pela Lazio na última rodada. O destaque do jogo foi o juiz Guida que com a ajuda da VAR (Video Assistant Referee, em inglês) anulou corretamente dois gols por impedimento e, mais importante, ele tomou as duas decisões muito rapidamente, em alguns segundos:
- na etapa inicial, quando o duelo estava ainda em 0 a 0, o jogador da Udinese Lasagna teve seu gol anulado;
- no segundo tempo, com o placar de Milan 2 X 1 Udinese, foi a vez de Kalinic ver seu gol anulado.
O destaque do Milan foi o croata Kalinic que marcou os dois gols. Aos 22 minutos do primeiro tempo, ele recebeu cruzamento de Calabria dentro da área, ganhou de Danilo e superou o goleiro Scuffet. Aos 28 minutos, ainda no primeiro tempo, após cobrança de escanteio, Kessié desviou de cabeça e Kalinic colocou a bola para dentro dando um golpe de coice.
Além disso, aos 18 minutos do primeiro tempo, com o placar de 0 a 0, em cobrança de escanteio, Kalinic cabeceou na trave, Bonucci pegou o rebote, mas Larsen tirou em cima da linha.
O empate da Udinese foi marcado por Lasagna após falha grotesca de Romagnoli que recuou uma bola de maneira errada.

Escalação do Milan (3-5-2)
Donnarumma
Musacchio, Bonucci, Romagnoli
Calabria, Kessié, Biglia, Bonaventura (Çalhanoglu), Rodriguez
Suso (Cutrone), Kalinic (Locatelli)


3ª rodada, Domingo 10 Setembro 2017, LAZIO  4 X 1  MILAN

Marcadores: Immobile de pênalti aos 38 pt, Immobile aos 41 pt e aos 3 st, Luis Alberto aos 5 st e Montolivo aos 11 st.

A forte chuva que caiu sobre a cidade de Roma neste domingo fez adiar em uma hora o início da partida entre Lazio e Milan, para permitir que os torcedores chegassem em tempo ao estádio. O gramado tinha sido protegido com telões durante a chuva o que permitiu normais condições de jogo.
Com show de Ciro Immobile, a Lazio goleou por 4 a 1 e acabou com o embalo do Milan que vinha de seis vitórias consecutivas nesta temporada: quatro na Europa League e duas no Campeonato. Immobile abriu o placar aos 38 minutos do primeiro tempo em cobrança de pênalti; três minutos depois, Lulic cruzou na área e Immobile pegou bonito, de voleio, para ampliar a vantagem.
O começo da etapa final foi um passeio para a Lazio! Aos 3 minutos Immobile, sozinho na área, recebeu de Parolo e anotou seu terceiro gol. No lance seguinte, ele forneceu assistência para Luis Alberto que anotou o quarto gol. O Milan descontou com Montolivo aos 11 minutos, mas não passou disso.
Após esta humilhante derrota, o treinador Montella informou que passará do esquema 4-3-3 para o esquema 3-5-2 que utiliza três zagueiros centrais e que parece mais apropriado para as características técnicas de Bonucci.

Escalação do Milan (4-3-3)
Donnarumma
Calabria, Bonucci, Musacchio, Ricardo Rodriguez
Kessié, Biglia, Montolivo
Suso (Bonaventura), Cutrone (Kalinic), Borini (Çalhanoglu)


2ª rodada, Domingo 27 Agosto 2017, MILAN  2 X 1  CAGLIARI

Marcadores: Cutrone aos 10 pt, João Pedro aos 11 st e Suso aos 25 st.

Com show de Suso, o Milan bateu neste domingo o Cagliari por 2 a 1, no estádio San Siro. O primeiro gol da partida saiu logo aos 10 minutos quando Suso, depois de uma bela jogada individual, cruzou para a área e encontrou Cutrone que teve apenas o trabalho de completar para o fundo das redes.
Após abrir o placar, o Milan caiu de rendimento, permitindo que o Cagliari criasse mais chances. Na metade do primeiro tempo, o atacante Sau desperdiçou uma ótima oportunidade: recebeu passe na entrada da área e acertou a trave à esquerda de Donnarumma.
Na segunda etapa o Milan continuou sem criatividade e aos 11 minutos Kessié perdeu a bola na meia lua e, após uma troca de passes, João Pedro apareceu de frente para o gol e não perdoou. Era o empate do Cagliari.
O Milan acordou para a partida após sofrer o gol de empate e voltou a pressionar. Aos 25 minutos, Suso cobrou uma falta com perfeição, não dando chances para o goleiro Cragno, colocando o Milan novamente na frente. O Cagliari tentou fazer pressão nos minutos finais, mas a defesa do Milan conseguiu se sobressair e garantir a segunda vitória no campeonato.

Escalação do Milan (4-3-3)
Donnarumma
Conti, Bonucci, Musacchio, Ricardo Rodriguez
Kessié, Montolivo, Çalhanoglu (Biglia)
Suso, Cutrone (Kalinic), Borini (Antonelli)


1ª rodada, Domingo 20 Agosto 2017, CROTONE  0 X 3  MILAN

Marcadores: Kessié de pênalti aos 6 pt, Cutrone aos 18 pt e Suso aos 23 pt.

A primeira rodada da temporada 2017/18 se anunciava muito dura para o Milan, mas logo nos primeiros minutos aconteceu a jogada que mudou completamente a história da partida. Cutrone recebeu a bola dentro da área e, quando preparava o chute, foi calçado por trás por Ceccherini. O árbitro Mariani não teve dúvidas, marcou pênalti e expulsou o zagueiro após verificar, com a ajuda da nova tecnologia VAR, que ele tinha impedido uma clara chance de gol. Kessié cobrou e marcou o primeiro gol para o Milan.
A partir daí, a partida se tornou de uma só equipe. O Milan, jogando em 11 contra 10, dominou amplamente as ações do jogo e marcou mais dois gols, ainda no primeiro tempo:
- aos 18 minutos, Suso passou por dois defensores e cruzou na área, Cutrone antecipou o goleiro e cabeceou para o fundo das redes;
- aos 23 minutos, Çalhanoglu lançou Cutrone em profundidade, o jovem atacante dominou e rolou para Suso que chegou chutando para o fundo do gol, para a festa da torcida milanista presente no estádio.

Escalação do Milan (4-3-3)
Donnarumma
Conti (Abate), Bonucci, Musacchio, Ricardo Rodriguez
Kessié, Locatelli (José Mauri), Çalhanoglu
Suso, Cutrone (André Silva), Borini


Valid XHTML 1.1!   Valid CSS!
eXTReMe Tracker